O que é Desenho???

Afinal, o que é desenho? Embora simples, essa pergunta não é nada fácil de responder. Muitos dizem que o desenho é uma linguagem, o que é óbvio. O ser humano é um ser criativo e de interações, assim, sua necessidade de comunicação é, essencialmente, existencial. Por isso, o desenho também é um meio de comunicação.  Outros dizem que o desenho é uma arte. Isso é interessante porque revela uma aceitação e compreensão social e cultural mais ampla do desenho, para além da idéia de expressão.

Digo isso porque a arte é algo mais que expressão da criatividade, dos sentimento e das ideias, a arte também é conhecimento, técnica e, assim, capacidade de realizar. Outros ainda, defendem a posição de que o desenho é um dom de nascença e que poucos são os privilegiados. Bem, dom é uma palavra que denota a compreensão religiosa de dádiva divina, o que gera, algumas vezes, o entendimento de que é algo exclusivo. Há quem diga que o desenho é uma mistura de tudo isso. E, por fim, alguns defendem que o desenho é uma habilidade perfeitamente acessível a todos aqueles que desejarem aprender, ou seja, o desenho nada mais é do que um conjunto de técnicas que qualquer pessoa pode aprender, para isso basta tem predisposição, o que é mais uma vez óbvio.

Bem, não tenho aqui a intenção de fazer uma listagem das ideias a cerca do que é o desenho, mas tão somente, expor e refletir sobre como a forma de se perceber as coisas interfere na maneira de realizar as ações. O renomado artista francês Edgar Degas uma vez disse " o desenho não é uma forma, mas uma maneira de ver a forma". Essa declaração de Degas é muito interessante pois revela uma faceta do desenho bem pouco considerada, ou seja, o fato de que o desenho é um tipo de conhecimento que é perceptível, reflexivo e prático. Em outras palavras o desenho é mais que um conjunto de técnicas, habilidades, dom, linguagem ou arte, pois quando desenhamos, não só aprendemos o como fazer, mas também porque fazer e para que fazer. O desenho é um tipo de conhecimento global que favorece até mesmo o desenvolvimento da autoestima. Para desenhar precisamos aprender a contemplar as coisas, avaliar as posibilidades, inventar meios de solucionar os problemas. O desenho nos impele a aperfeiçoar a destreza manual, a sensibilidade visual e o pensamento criativo.

A maioria das pessoas desenham mau porque veem o desenho de uma maneira pejorativa, desinterente ou banal, assim não dão o mesmo grau de importância que outras formas de conhecimento como: a matemática, a ciência, a linguagem e outras têm. Assim, o desenho é um tipo de conhecimento banalizado, desvalorizado e menosprezado, pela maior parte das sociedades, um exemplo disso está no fato de que a disciplina de arte nas escolas ou educação artística, tratam a expressão gráfica do desenho, mais como um tipo de terapia ocupacional do que como uma forma de conhecimento muito importante e necessária para ser desenvolvida. O desenho é algo menor que outras disciplinas como português, matemática, geografia, história ou ciências. Isso é grave e se continuar deste jeito, nós vamos continuar na mesmice, nos bonecos palitinhos, nas casinhas desenhadas com linhas tortas e tímidas, achando que desenhar é um dom para poucos, para quem quer ser artista, ou pior, que desenhar é para desocupados.

David Silva 
david.fsa@gmail.com

Comentários

  1. Já estou seguindo! Adoro desenhar... mas não sei bem, então admiro quem desenha haha.

    Beijos.
    http://expectativasreais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, obrigada pelo convite de conhecer o blog.
    Já estou seguindo. Adorei o blog.
    pequenomuffin.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Dicas para aprender a desenhar melhor: Dica 01 - Aprenda a observar

Burne Hogarth em português